ASSINE
Jornalista de A Gazeta, há mais de 10 anos acompanha a cobertura de Economia. É colunista desde 2018 e traz neste espaço informações e análises sobre a cena econômica

Governo federal não se entende em prazo de ferrovia no ES

Em pouco menos de um mês, integrantes do Ministério da Infraestrutura deram prazos diferentes para a construção da ferrovia que vai ligar Cariacica a Anchieta

Publicado em 08/10/2020 às 21h00
Ferrovia: malha ferroviária entre Cariacica e Anchieta vai ter 90 quilômetros de extensão
Ferrovia: malha ferroviária entre Cariacica e Anchieta vai ter 90 quilômetros de extensão. Crédito: Daniel Kirsch/Pixabay

Durou apenas 20 dias a ilusão de que as obras da ferrovia EF 118, ligando Cariacica a Anchieta, poderiam ficar prontas "até 2022, no mais tardar em 2023", como anunciou o secretário-executivo do Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, em 15 de setembro. A coluna chegou inclusive a chamar a atenção para esse cronograma nada realista.

No dia 5 de outubro, em visita ao Estado para agendas nas áreas portuária e rodoviária, foi a vez de o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, dar novos prazos. Desta vez, mais factíveis. Freitas estima que o projeto executivo seja finalizado em 2022 e neste mesmo ano as obras sejam iniciadas

Ainda que a data prevista pelo ministro faça mais sentido, ela não deixa de ser bem otimista, afinal um projeto como o da construção de um ramal ferroviário de 90 quilômetros exige a superação de etapas complexas como licenças ambientais e desapropriações ao longo da sua extensão, trâmites que, historicamente no país, demandam tempo. Agora, é aguardar os próximos anúncios e torcer para que não sejam prevendo a postergação (mais uma vez) do cronograma.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.