> >
Chuva no RS: corpo de advogada soterrada é encontrado após 18 dias de buscas

Chuva no RS: corpo de advogada soterrada é encontrado após 18 dias de buscas

Natália Cobalchini, de 27 anos, morreu após ser soterrado durante um deslizamento de terra; os pais de Natália, Artemio Cobalchini e Ivonete Cobalchini, também faleceram durante o deslizamento

Publicado em 21 de maio de 2024 às 09:02

Ícone - Tempo de Leitura 2min de leitura
Corpo de advogada soterrada é encontrado após 18 dias de buscas no RS
Corpo de advogada soterrada é encontrado após 18 dias de buscas no RS. (Reprodução/Redes Sociais )

Após quase 20 dias de busca, o corpo da advogada Natália Cobalchini, de 27 anos, foi encontrado por bombeiros nesta segunda-feira (20). A informação foi confirmada nas redes sociais pela irmã da vítima, Marina Cobalchini.

Corpo de Natália estava soterrado após um deslizamento na área rural cidade de Bento Gonçalves. A cidade fica a 130 km de Porto Alegre. "Encontramos nossa menina! Deus, eu sempre acreditei que isso seria possível! Obrigada meu pai! Te amamos para sempre!", escreveu Marina Cobalchini, em uma publicação em seu perfil no Instagram.

Os pais de Natália também morreram no deslizamento. Os corpos de Artemio Cobalchini, 72, e Ivonete Cobalchini, 62, foram encontrados no dia 3 de maio. Eles já foram enterrados. Bento Gonçalves já registrou mais de cem deslizamentos de terra desde o início da chuva no Rio Grande do Sul.

Natália havia se formado em direito há dois anos. Ela viajou aos Estados Unidos para realizar um sonho 15 dias antes do incidente. "Foi a primeira viagem internacional, era um lugar que ela tinha o sonho de conhecer. Tenho certeza que foi uma despedida, porque foi uma viagem maravilhosa que ela fez", afirmou Marina em entrevista à Folha de S.Paulo.

Natália e os pais estão entre os 157 mortos em razão dos temporais e cheias que atingem o Rio Grande do Sul desde 29 de abril. O estado registra 806 pessoas feridas, 85 desaparecidas e 657,8 mil fora de casa.

Este vídeo pode te interessar

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rapido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta

A Gazeta integra o

The Trust Project
Saiba mais