Conheça pratos com bacalhau para provar no ES durante a quaresma

HZ fez uma lista com opções servidas em restaurantes de Norte a Sul do Estado, e você não precisa esperar a Páscoa para apreciar a iguaria

O bacalhau é um dos pratos mais tradicionais da Páscoa.

Se você segue a tradição católica cristã de não consumir carne vermelha no período da quaresma, que começou na quarta-feira de cinzas e vai terminar no dia 9 de abril, a iguaria é uma alternativa bastante saborosa e versátil. 

Nos restaurantes do Estado, não faltam boas receitas com bacalhau, afinal, o peixe é muito apreciado pelos capixabas não apenas na Semana Santa.

Os pratos mais clássicos, servidos nas casas portuguesas, surgem tanto em versões individuais, mais em conta, como em porções para compartilhar. HZ reuniu algumas opções na lista abaixo. Confira!

  1. A Gazeta - si69shfes
    01

    ALMOÇO EXECUTIVO

    Especializada em doces portugueses, a d'Belém serve almoço executivo três vezes por semana, a partir das 11h30. Na quarta e na quinta, o prato do dia tem bacalhau. O tradicionalíssimo Bacalhau à Gomes de Sá (foto), em lascas e finalizado no forno, é a estrela das quintas-feiras. Junto ao peixe, entram batata, cebola, brócolis, azeitonas portuguesas, ovo cozido, salsinha e azeite (R$ 59, individual, com salada de entrada e pastel de Belém de sobremesa). Vale a pena provar o bolinho de bacalhau da casa (R$ 48 a porção com seis). Rua Chapot Presvot, 364, Praia do Canto, Vitória. (27) 3201-8928. FOTO: Vitor Jubini      

  2. A Gazeta - dtj8fmdyk
    02

    CAMPEÃO DE VENDAS

    No Bacalhauzinho, o prato que leva o nome da casa é também o campeão de vendas. Servido à francesa pelos garçons, o lombo de bacalhau gadus morhua é grelhado, leva molho de cebola e é acompanhado na travessa por batatas coradas, couve confitado em azeite e alho laminado. Quanto: R$ 100 individual ou R$ 190 para duas pessoas, com arroz de brócolis. Av. Augusto Emílio Estelita Lins, 312, Jardim Camburi, Vitória. (27) 99972-8415. Restaurante parceiro do Clube A Gazeta. FOTO: Bacalhauzinho/Divulgação  

  3. A Gazeta - rfhxdy7d6
    03

    MASSA ARTESANAL

    Na rotisseria Bem Dita Massa, uma opção para servir em casa é a Conquilha de Bacalhau, massa artesanal com formato de concha, recheada com o peixe e regada com molho branco. Quanto: R$ 72/kg. O cliente pode pedir a massa fresca, congelada ou encomendar na travessa. Vitória: Rua Dr. Guilherme Serrano, 101, Barro Vermelho. (27) 99778-2898. Rua Filogônio Mota, 250, loja 3, Jardim Camburi. (27) 99909-4789. Vila Velha: Rua Afonso Pena, 80, Praia da Costa. (27) 99294-0179. Restaurante parceiro do Clube A GazetaFOTO: Olivier Schochlin

  4. A Gazeta - 4r5n03xj
    04

    TRADIÇÃO LUSITANA

    O Bacalhau à Lagareiro é uma das receitas mais tradicionais de Portugal. E quando se fala em tradição lusitana no Estado, o restaurante Lareira Portuguesa é uma das principais referências. Por lá, o Lagareiro é servido em posta ou em lascas, como o cliente preferir. Vai ao forno ladeado por batatas coradas, coberto com pétalas de cebola, alcaparras, pimentões coloridos, azeitonas e lâminas de alho frito, com um toque de conhaque. Tudo isso regado com bastante azeite. Quanto: R$ 278, para duas pessoas, acompanhado por arroz branco, de brócolis, de amêndoas ou de tomate. Av. Saturnino de Brito, 260, Enseada do Suá, Vitória. Reservas e delivery: (27) 3345-0331 e 3345-0329. FOTO: Reprodução/Instagram 

  5. A Gazeta - taoposgxrah
    05

    TÉCNICA MODERNA

    No Tatá Cozinha de Origem, em São Mateus, o ponto do bacalhau que compõe um dos pratos do menu tem impressionado a clientela. "Ele é cozido à baixa temperatura, no termocirculador, e finalizado no forno a lenha", explica o chef, Gabriel Bordoni. O peixe é servido com molho pil pil, outro clássico português, que é uma emulsão do próprio líquido de cocção do bacalhau. Creme de couve-flor, brócolis na brasa, batatinhas e pimentão vermelho tostado completam a combinação (R$ 118, individual). BR-101, 426, Seac, São Benedito (em frente à Petrobras). (27) 99720-3767. FOTO: Tatá/Divulgação

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
Gastronomia Páscoa
Viu algum erro?

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido o possível