ASSINE

Covid: cidade do ES proíbe shows e limita horário de bares e restaurantes

Houve um grande aumento de casos de Covid-19 em Conceição da Barra  no intervalo de uma semana, o que seria uma consequência das festividades de Natal e Réveillon

Tempo de leitura: 2min
Linhares
Publicado em 07/01/2022 às 13h23

Diante do aumento de casos de Covid-19 e gripe, a Prefeitura de Conceição da Barra, no Norte do Espírito Santo, decidiu tomar medidas restritivas para tentar prevenir a possibilidade de um colapso no sistema de saúde. Segundo o secretário de Saúde do município, Daniel Orestes Bissoli, um decreto, que entrará em vigor na próxima segunda-feira (10), institui a proibição do funcionamento de casas noturnas, realização de shows e também delimita o horário de fechamento de estabelecimentos comerciais.

A média de atendimentos a pacientes com sintomas gripais praticamente triplicou, de acordo com o secretário. Houve também um grande aumento de casos de coronavírus no intervalo de uma semana, o que seria uma consequência das festividades de Natal e Réveillon, explica Bissoli.

Daniel Orestes Bissoli

Secretário de Saúde de Conceição da Barra

"“Preocupados com esse aumento vertiginoso, queremos dar um passo à frente e trabalhar na prevenção de um futuro colapso do sistema de saúde. A média de atendimentos do PA de Braço do Rio triplicou. De 70 a 80 atendimentos, estamos tendo 200 a 300 atendimentos por dia. Na semana passada tivemos apenas 2 casos de Covid-19. Apenas ontem confirmamos mais 40 casos. Entre os dias 3 e 6, Itaúnas registrou aproximadamente 100 casos positivos do vírus. Nossas entradas já estão abarrotadas de pessoas. Os cuidados são necessários e todo o excesso tem consequência”, relatou Bissoli."

Devido aos registros, a expectativa da prefeitura é que o município saia do risco baixo na divulgação do próximo Mapa de Risco, do Governo do Estado, nesta sexta-feira (7). A perspectiva para janeiro, segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), é que aumente os casos de Covid-19 e gripe, e ainda uma epidemia de dengue.

Este vídeo pode te interessar

De acordo com o decreto, que tem prazo indeterminado, bares e restaurantes vão poder funcionar até a 1h. Bissoli reforça que equipes da prefeitura vão realizar fiscalizações. “E se for necessário haverá punições. O resultado será encaminhado ao Ministério Público”, afirmou o secretário.

Praia em Conceição da Barra
Praia em Conceição da Barrra. Crédito: Mário Júnior

SEM INTERNAÇÕES

Por conta do avanço da vacinação contra a Covid-19, Bissoli informou que não há pessoas internadas no município. No entanto, a sobrecarga está no acolhimento de pacientes, no primeiro contato.

A orientação dada pelo secretário, para quem possui sintomas mais leves, é procurar as unidades de saúde. O PA de Braço do Rio, o hospital municipal e a Casa Covid-19 são destinados para atendimentos às situações mais urgentes.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.