ASSINE

Para comer e beber: 5 lugares ao ar livre na praia e na montanha

De Pedra Azul à Barra do Jucu, traçamos um roteiro com dicas gastronômicas para você curtir a céu aberto no fim de semana

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 27/08/2021 às 13h53

Nestes tempos de pandemia, bares e restaurantes com espaços bem ventilados tornaram-se ainda mais procurados pelos fãs de gastronomia. Com um charme extra e a possibilidade de respirar ar puro em contato com a natureza, estabelecimentos em que grande parte das mesas (ou todas) ficam ao ar livre são mais comuns nas regiões de praia e de montanha do Estado.

Pensando nisso, traçamos um pequeno roteiro com dicas gastronômicas a céu aberto para você curtir no fim de semana, seja em Santa Teresa, Vargem Alta ou Pedra Azul, na Região Serrana, seja no litoral, em Vila Velha ou Guarapari. Gostou da ideia? Então, escolha o seu destino e aproveite! 

PARA CURTIR NA PRAIA

Pratos servidos no quiosque Cabana Aroeira, na Praia do Buraco, na Ponta da Fruta
Refeições com peroá frito são uma pedida na Praia do Buraco . Crédito: Cabana Aroeira/Divulgação

CABANA AROEIRA

  • O quiosque existe há mais de 20 anos na Praia do Buraco, entre a Ponta da Fruta e a Praia d'Ulé. Suas 40 mesas ficam ao ar livre, espalhadas à sombra de castanheiras e aroeiras, e o estilo do lugar é pé na areia. A estrela do cardápio é o peroá frito - a versão Especial, com aproximadamente 1kg de peixe, vai à mesa com camarão, batata e banana fritos, farofa, salada, vinagrete e arroz (R$ 148). O PF com arroz, feijão, farofa, salada e espetinho de frango também é uma opção (R$ 25/individual). 
  • Horários e endereço: sábado, domingo e feriados, das 10h às 17h. Av. Atlântica, 298, Recanto da Sereia, Guarapari. (27) 99722-2349. Música ao vivo (MPB e reggae) a partir do meio-dia, com cobrança de couvert artístico (R$ 5 por pessoa).

SANTO CONGO

  • Localizado a poucos metros da foz do Rio Jucu, o restaurante é dedicado ao congo, manifestação cultural capixaba que tem a Barra do Jucu entre seus principais redutos. As mesas a céu aberto são as mais concorridas, e ficam nos fundos da casa, especializada em carnes na parrilha e frutos do mar. Chorizo, ancho, fraldinha e picanha são os cortes disponíveis, e custam a partir de R$ 119 (500g, para dois), acompanhados de legumes (ou batata rústica), farofa, molho chimichurri e arroz de coco (ou arroz branco). O Ceviche Tropical, de salmão com pimentão, manga e abacaxi (R$ 39,90), e os bolinhos de carne com molho de goiaba (R$ 39,90) são escolhas para petiscar.
  • Horários e endereço: quinta, das 18h à 0h; sexta e sábado, das 11h à 0h; domingo, das 11h às 17h. Rua Vasco Coutinho, 42, Barra do Jucu, Vila Velha. Música ao vivo: sexta (19h), sábado (12h e 19h) e domingo (12h).           

PARA CURTIR NAS MONTANHAS

Petiscos servidos na Azzurra Cervejaria, em Pedra Azul, Domingos Martins
Jardim de cerveja na Rota do Lagarto tem socol e pastel de polenta no menu. Crédito: Renan Moysés

AZZURRA CERVEJARIA

  • A cervejaria fica no trecho da Rota do Lagarto conhecido como Quadrado de São Paulinho e segue o conceito alemão de biergarten ("jardim de cerveja"), ou beer garden, como é mais conhecido por aqui, com mesas em ambiente externo. Dos 11 estilos produzidos pela casa, vale provar os da série Km Zero, que contêm ingredientes da região: Oatmeal Stout com nibs de cacau do Ateliê do Chocolate, Golden Strong Ale com café arábica, Catharina Sour com pitaya e goiaba e Blonde Ale com mel do Apiário Florin. Os chopes custam de R$ 8 (Kölsch/285ml) a R$ 20 (Weiss/680ml). Para acompanhar, há petiscos como a Flor de Socol (R$ 20), o pastelzinho de polenta com linguiça (R$ 28/15 unidades) e a almôndega suína com creme de parmesão (R$ 49/10 unidades).
  • Horários e endereço: de quinta a sábado, das 10h às 20h; domingo, das 10h às 19h. Rodovia Ângelo Girardi (Rota do Lagarto), s/n, ao lado da Marieta Delicatéssen, Pedra Azul, Domingos Martins. (27) 99818-2828.     

Mesas do beer garden na Azzurra Cervejaria, em Pedra Azul, Domingos Martins
A cervejaria fica no Quadrado de São Paulinho e produz 11 estilos da bebida . Crédito: Bruno Azevedo

CERVEJARIA DUS GRILLO

  • Uma outra cervejaria com ambiente aberto que vale a pena visitar fica na zona rural de Vargem Alta. É a Dus Grillo, que tem na área externa seis deques com mesas para receber a clientela. O cardápio reúne petiscos, porções e 10 tipos de chope produzidos no local (entre eles o de vinho). Estilos como Pilsen, IPA, Session IPA, Stout, Hop Lager e Rauchbier fazem parte da carta, com cervejas a partir de R$ 10 (300ml). O Especial Dus Grillo, com frango empanado, linguiça da roça, batata e polenta fritas e anéis de cebola com molho rosé (R$ 75) é o campeão de pedidos. Até o final deste ano está prevista a inauguração da nova fábrica e do pub Dus Grillo, na mesma propriedade. 
  • Horários e endereço: sábado e domingo, das 10h às 18h. Alto Ouro, Castelinho, Vargem Alta. Clique aqui para saber como chegar. O restaurante é pet friendly.      

Deques com mesas na Cervejaria dus Grillo, em Vargem Alta
A cervejaria conta com seis deques na área externa. Crédito: Cervejaria Dus Grillo/Divulgação
Porções de polenta frita, batata frita e frango empanado da Cervejaria dus Grillo, em Vargem Alta
Porções de polenta, batata e frango empanado têm destaque no cardápio. Crédito: Cervejaria dus Grillo/Instagram

VILLA THEODORA

  • Na pousada Villa Theodora, em Santa Teresa, mesmo quem não é hóspede pode frequentar o restaurante, que abre para almoço e tem lugares a céu aberto, tanto no deque quanto no gramado, com vista para lagos e uma exuberante vegetação de Mata Atlântica. O cardápio é sazonal, e atualmente tem como atrativos o bacalhau gratinado com batatas e azeitona (R$ 89) e a costelinha de porco confitada servida com feijão, farofa e banana frita (R$ 67), ambos individuais. Uma opção de passeio é a trilha de 1,3 km até o mirante da propriedade. 
  • Horários e endereço: sábado e domingo, a partir das 11h. Estrada de Aparecidinha, Km 2,5, Santa Teresa. Clique aqui para saber como chegar. (27) 99938-0553.     

Risoto servido no restaurante da pousada Villa Theodora, aberto ao público, em Aparecidinha, Santa Teresa
O restaurante da pousada é aberto ao público, mas recomenda-se fazer reserva. Crédito: Villa Theodora/Instagram

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.