ASSINE
Jornalista de A Gazeta. Há 10 anos acompanha a cobertura de Economia. É colunista desde 2018 e traz neste espaço informações e análises sobre a cena econômica.

Banestes vai abrir agência focada em investimentos

Novo modelo ficará no Shopping Vitória

Publicado em 29/10/2019 às 05h00
Atualizado em 29/10/2019 às 05h03
Agência do Banestes localizada no Shopping Vitória. Crédito: Banestes/Divulgação
Agência do Banestes localizada no Shopping Vitória. Crédito: Banestes/Divulgação

A agência do Banestes que hoje funciona no Shopping Vitória e atende diferentes perfis de clientes passará a ser focada em grandes investidores do banco. A informação é do presidente da instituição, Amarildo Casagrande, que contou a novidade à coluna durante o Encontro de Lideranças de A Gazeta, que aconteceu do dia 25 a 27 de outubro, em Pedra Azul.

Segundo ele, cerca de 1.000 clientes passarão a ser atendidos pela equipe, que será focada em oferecer e avaliar quais são os melhores produtos do mercado financeiro e quais as estratégias mais indicadas para esse perfil de investidor.

Ainda de acordo com Amarildo, a agência, que vai ser chamada de Banestes Investimentos, será a primeira do banco com essa característica e vai atender clientes com carteiras superiores a R$ 500 mil. Ela será inaugurada em 18 de novembro.

A decisão do banco estadual de apostar nesse modelo de agência mostra quanto o mercado de investimentos está crescendo e apresentando uma concorrência acirrada. Não é à toa que instituições tradicionais estão precisando repensar estratégias para não perder o embalo desse tipo de negócio, nem os clientes, ainda mais considerando as baixas taxas de juros - a Selic está em 5,5% ao ano - que fizeram com que os produtos de renda fixa dos bancos, como os CDBs, se tornassem pouco atrativos do ponto de vista da rentabilidade.

Fora o preconceito que existe de que banco não sabe aplicar bem o dinheiro dos seus correntistas. Hoje é comum, por exemplo, ouvir de especialistas de corretoras e gestoras de investimentos argumentos do tipo: “Você vai deixar seu dinheiro no banco? Desde quando o gerente entende do mercado financeiro? Ele só vai querer te vender um título de capitalização”.

Pelo movimento do Banestes, tudo indica que ele não quer esse tipo de rótulo atrelado à sua imagem. E o anúncio da nova agência reforça que o banco não quer perder espaço nem clientes.

A Gazeta integra o

Saiba mais
banestes beatriz seixas espírito santo espírito santo

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.