ASSINE

Preço das passagens em Colatina sofre reajuste de 15% na tarifa

Consórcio responsável pelo serviço alegou a alta dos custos operacionais e a queda do número de passageiros para o reajuste. O aumento foi de R$ 0,55

Linhares
Publicado em 25/01/2022 às 11h57
Ônibus do transporte coletivo municipal em Colatina
Ônibus do transporte coletivo municipal em Colatina . Crédito: TV Gazeta Noroeste | Reprodução

O usuário do transporte coletivo de Colatina, no Noroeste do Estado, terá que refazer os cálculos para pagar a passagem. De acordo com o Consórcio Noroeste, responsável pelo serviço, o valor passará de R$ 3,45 para R$ 4,00 nas linhas urbanas, a partir do dia 31 de janeiro. Nesta data haverá também elevação nas linhas interurbanas: sai de R$ 5,10 para R$ 5,90. Os reajustes passam de 15%.

Segundo o consórcio, formado pelas empresas Joana D’Arc e São Roque, o reajuste se deu em razão do aumento dos custos do sistema no último ano, como o óleo diesel, em 50%; salários, em 9%; e ainda o preço dos veículos e demais insumos do serviço, em 17%. Outro dado apresentado pelo grupo é a queda de 39% do número de passageiros devido ao período de pandemia.

As empresas alegam que mudanças realizadas pelo sistema garantem melhorias para quem utiliza o serviço, como a unificação do sistema com tarifa única, que permite o uso de gratuidades em todos os veículos. Também citam a aquisição de novos coletivos com ar-condicionado e elevadores para pessoas com dificuldades de locomoção.

Este vídeo pode te interessar

Além disso, as operadoras do transporte municipal informam que haverá uma melhoria tecnológica, que possibilitará a compra de passagens e também consultas em tempo real dos horários das viagens através de aplicativos.

*Com informações da TV Gazeta Noroeste

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.