Pólo Industrial Mário Cassani prioriza respeito com o meio ambiente

Maior terminal privado da Estrada de Ferro Vitória a Minas alia inovação com boas práticas e respeito às questões ambientais

  • Vanessa Paula Cassani ( Polo Industrial Mario Cassani)

Publicado em 25/09/2020 às 19h06
foto carregamento
Terminal em operação. Crédito: Acervo

A história do Pólo Industrial Mário Cassani começou em 2003 quando o pecuarista Mário Moacyr Cassani aceitou o desafio de implantar em suas terras um Terminal Rodoferroviário. Três anos depois, o maior Terminal privado da Estrada Ferro Vitória a Minas entrava em operação ocupando uma área de 45 mil metros quadrados.

Além do espírito de inovação, desde seu surgimento, o Pólo Industrial Mário Cassani se preocupou em colocar em sua pauta a preocupação com a sustentabilidade e questões ligadas ao meio ambiente.

Com isso, diversas medidas e ações começaram a ser prioridade da empresa. No pólo, o meio ambiente tem o cuidado e respeito merecido. A empresa conta com uma uma área verde de 393.704.05m² e projetos para reflorestamento de outros espaços.

Além disso, a empresa é atenta a todas as questões que envolvem a legislação ambiental. Nenhuma obra na área do pólo é realizada sem que haja aprovação de todos os órgãos competentes, seja essa obra do próprio loteamento industrial ou de qualquer empresa que nele esteja instalado.

O Polo Industrial Mário Cassani oferece às empresas lotes de alto padrão com dimensões de 2.700 m² a 116.000 m², adequadas ao perfil de cada empreendimento.

foto fazenda
Foto Bagó e ALX. Crédito: Acervo

REFERÊNCIA, INFRAESTRUTURA E INOVAÇÃO PARA EMPRESAS

O Pólo Industrial Mário Cassani foi criado para abrigar indústrias e facilitar o escoamento da produção, seja por ferrovia, rodovia ou transporte marítimo.

Isso só é possível, devido à sua localização geográfica. Construído às margens do Rio Doce, o local tem acesso rápido à BR 259, BR 101 e ES 080. É cortado pelo ferrovia Vitória a Minas que o terminal aos portos capixabas, possibilitando conexão com o mudo todo.

O polo conta com toda infraestrutura que as empresas precisam, possuindo uma grande oferta pluvial, rede de energia capaz de suportar grande demanda industrial, rede de fibra óptica, iluminação pública e vias pavimentadas.

Plantar É Viver

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.