ASSINE

PF faz operação no ES contra fraude em títulos de eleitores

Investigação da Polícia Federal aponta que moradores do Estado usaram documentos falsos para ter mais de um título eleitoral

Publicado em 26/07/2019 às 14h04
Título de eleitor: operação da Polícia Federal. Crédito: Divulgação/TSE
Título de eleitor: operação da Polícia Federal. Crédito: Divulgação/TSE

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (26) a Operação Face Dupla que investiga fraude no registro de eleitores do Espírito Santo com o uso de documentos falsos. Os agentes federais cumpriram três mandados de busca e apreensão nas cidades de Vitória, Cariacica e Viana. Dez pessoas são investigadas.

Segundo a investigação da PF, o cadastramento eleitoral fraudulento foi descoberto após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) detectar "coincidência de dados biométricos" de alguns eleitores do Estado, indicando que uma mesma pessoa teria mais de uma inscrição eleitoral - ou título de eleitor. Ou seja, um mesmo eleitor tinha suas impressões digitais registradas em mais de um cadastro junto ao Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES).

A operação contou com doze policiais cujo objetivo era obter elementos de prova que possibilitem identificar o envolvimento de terceiros na fraude, em especial os fornecedores dos documentos que permitiram o cadastramento eleitoral fraudulento, segundo informou a PF.

Os dez investigados responderão pelo crime de inscrição fraudulenta de eleitor, falsidade ideológica e uso de documento falso. Somadas, as penas deles podem chegar a 15 anos de reclusão.

Em nota, o Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) afirma que aguardará a conclusão do inquérito da Policia Federal para se manifestar sobre o assunto.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.