ASSINE
Colunista de Esportes

Secretário quer R$ 10 milhões a mais do que o previsto para o Esporte

Titular da pasta no governo do Espírito Santo, Júnior Abreu terá um montante de R$ 29,5 milhões, mas já conta com créditos suplementares para 2020

Publicado em 03/10/2019 às 19h55
Secretário de esporte, Júnior Abreu está otimista com os investimentos para 2020. Crédito: Sesport/Divulgação
Secretário de esporte, Júnior Abreu está otimista com os investimentos para 2020. Crédito: Sesport/Divulgação

O governador Renato Casagrande (PSB) enviou o projeto de lei orçamentária de 2020 para a Assembleia Legislativa do Espírito Santo na última segunda-feira (30). No documento, é possível observar que a Secretaria de Esportes vai perder espaço na divisão dos recursos. Somando todas as áreas, o governador projeta receita total no valor de R$ 19,7 bilhões para 2020, sendo R$ 29,5 milhões para a pasta de Esportes, cerca de 0,15% do montante. Em 2019, a Sesport assegurou 0,16% do orçamento total do governo. 

Entretanto, o secretário estadual de Esportes, Júnior Abreu, não está preocupado com a redução percentual e acredita que, com a adição de créditos suplementares, conseguirá trabalhar com mais de R$ 40 milhões em 2020 - R$ 10,5 milhões a mais que o previsto pelo governo na peça orçamentária em tramitação no Legislativo. 

"Se observarmos culturalmente como funciona o orçamento da Sesport, todos os anos têm suplementação de receita. Estou muito tranquilo com relação a isso porque há o compromisso do governador em ampliar o investimento no esporte. Com isso, o valor de investimento na área de esporte vai ultrapassar os R$ 40 milhões", assegurou o secretário, que confia na palavra do governador com base em sua postura recente com relação ao esporte capixaba. 

“Não vamos ter perdas no ano que vem. O próprio Kleber Andrade não tinha, no orçamento deste ano, esse recurso todo que está sendo aplicado, o governador que priorizou. Não tenho dúvida que o ano que vem será muito melhor para o esporte local", completou Júnior Abreu. 

Já o governador Renato Casagrande minimizou a divisão de recursos e garantiu que o esporte capixaba não ficará em segundo plano. “A Secretaria de Esportes já está recebendo investimento próximo a R$ 12 milhões (reformas pontuais no Kleber Andrade), e vamos retomar programas na área de esporte no ano que vem. O orçamento é uma referência. O esporte será resgatado, como foi no meu mandato passado”, declarou. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
esportes kleber andrade

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.