ASSINE

Seis morrem e 80 ficam feridos após trem descarrilar no Marrocos

Veículo saiu dos trilhos perto da cidade de Bouknadel; composição é movimentada pois liga a capital marroquina ao centro comercial de Casablanca

Publicado em 16/10/2018 às 11h36
O descarrilamento provocou a queda de vários vagões que se chocaram com o pilar de uma ponte   . Crédito:  Fadel Senna
O descarrilamento provocou a queda de vários vagões que se chocaram com o pilar de uma ponte . Crédito: Fadel Senna

Um trem descarrilou na cidade de Rabat, no Marrocos, nesta terça-feira, 16, matando seis pessoas e ferindo cerca de 80, segundo informações oficiais.

O trem saiu dos trilhos perto de Bouknadel, cidade próxima a Rabat. A composição é movimentada pois liga a capital marroquina ao centro comercial de Casablanca. A causa do acidente ainda é desconhecida.

Abdellatif Soudou, vice-prefeito da cidade de Salé, disse que equipes de resgate estão em busca de passageiros que ainda podem estar presos entre as ferragens.

A agência de notícias oficial marroquina, MAP, informou que o rei Mohamed VI ordenou que todos os feridos fossem levados ao hospital militar de Rabat, considerado o mais bem equipado em toda a região e reservado aos membros das Forças Armadas.

O acidente aconteceu nesta manhã com o trem que partiu de Rabat com destino à cidade de Kenitra. O descarrilamento provocou a queda de vários vagões que se chocaram com o pilar de uma ponte.

A Gazeta integra o

Saiba mais
marrocos trem

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.