ASSINE

Vasco vence o Madureira e garante uma vaga na final da Taça Rio

Gigante da Colina derrota o Tricolor por 2 a 1 com gols de Marquinhos Gabriel e Cano, enquanto Humberto descontou. O adversário sai do duelo entre Botafogo e Nova Iguaçu...

Publicado em 08/05/2021 às 15h15
Atualizado em 08/05/2021 às 18h31
 Crédito: Rafael Ribeiro/Vasco
Crédito: Rafael Ribeiro/Vasco

Em São Januário, o Vasco venceu o Madureira por 2 a 1 e garantiu uma vaga na final da Taça Rio, que será disputada nos próximos dois finais de semana. Ainda no primeiro tempo, Marquinhos Gabriel abriu o placar para o Cruz-Maltino, enquanto Humberto empatou, de cabeça. Na etapa final, Germán Cano aproveitou o rebote do goleiro e marcou o gol da vitória.

Confira a tabela do Campeonato Carioca

O Gigante da Colina volta a campo no próximo final de semana pela final da competição. Enquanto isso, espera o vencedor do duelo entre Botafogo e Nova Iguaçu para conhecer o seu adversário. MUITO CONTROLE, MAS POUCAS CHANCESDesde o início da partida, o Vasco se impõs e teve o controle do jogo com muita posse de bola. No entanto, faltava ser mais incisivo, e criar mais oportunidades no último terço. Na primeira chance, Castan lançou Cano, que ajeitou para Morato bater da entrada da área e mandar por cima da meta de Felipe Lacerda. O Madureira ficava mais atrás, tentando aproveitar os espaços no contra-ataque.

Em seguida, o camisa 10 apareceu novamente, e ao disputar uma bola no lado direito foi derrubado na área, mas o árbitro não assinalou qualquer irregularidade no lance. No lance seguinte, Léo Matos cruzou na área, Cano disputou com o arqueiro e a bola sobrou para Andrey, que não aproveitou e chutou para fora.

PLACAR ABERTO​Após o tempo técnico, o Gigante da Colina tentava transitar entre as linhas do adversário e abrir as jogadas em profundidade. Com isso, Zeca e Matías Galarza tabelaram na esquerda, e o lateral deu um ótimo cruzamento na cabeça de Léo Matos, que conseguiu torar o goleiro da jogada. Marquinhos Gabriel só teve o trabalho estufar a rede do Tricolor Suburbano e abrir o placar em São Januário.

TUDO IGUAL NA COLINA​O jogo parecia controlado pelo Cruz-Maltino, que buscava ampliar o resultado ainda no primeiro tempo. Contudo, em uma das saída do Madureira, Juninho fez boa jogada e cruzou na área. Humberto aproveitou o vacilo da defesa e cabeceou sozinho para empatar a partida. E o primeiro tempo terminou empatado na Colina Histórica.

PARA TUDO​Na volta do intervalo, o Vasco foi atrás do resultado e teve uma boa chance logo aos 3 com Cano, que cabeceou, mas Felipe Lacerda defendeu. Minutos depois, Andrey recebeu na entrada da área, mas chutou para fora. Com mais volume de jogo, o time da Cruz de Malta voltou a balançar a rede, mas a auxiliar anulou o gol, pois Cano esta impedido no lance.

FAZ O L!Mais incisivo, os comandados de Marcelo Cabo tiveram outra ótima chance de desempatar o jogo. Morato deixou Marquinhos Gabriel livre para finalizar, mas Feitosa salvou em cima da linha. O camisa 31 apareceu novamente e acertou o travessão após Léo matos cruzar a bola e Gabriel Pec ajeitar para o meio-campista.

Com mais volume de jogo, Léo Matos aproveitou o espaço no corredor, foi à linha de de fundo e cruzou. O goleiro Felipe Lacerda espalmou para a entrada da área e Germán Cano não perdoou. O maior artilheiro estrangeiro do Vasco no século XXI marcou o seu trigésimo gol pelo clube. No fim, o Madureira tentou empatar na base do abafa, mas o Vasco garantiu o resultado.

FICHA TÉCNICAVASCO 2x1 MADUREIRA

Data/Hora: 8/5/2021, às 16hLocal: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)Árbitro: Grazianni Maciel RochaAssistentes: Thiago Rosa de Oliveira Esposito e Lilian da Silva Fernandes BrunoCartão Amarelo: Zeca (VAS) / Victor Feitosa, Rodrigo Yuri, Bruno Oliveira e Sillas (MAD)Cartão Vermelho:

Gols: Marquinhos Gabriel (31'/1T) (1x0), Humberto (44'/1T) (1x1), Cano (35'/2T) (2x1)

VASCO (Técnico: Marcelo Cabo)Vanderlei, Léo Matos, Miranda (Figueiredo 31'/2T), Leandro Castan e Zeca; Andrey e Galarza (Caio Lopes 49'/2T); Morato (Juninho 48'/2T), Marquinhos Gabriel e Gabriel Pec (Ricardo Graça 37'/2T); Cano

MADUREIRA (Técnico: Alfredo Sampaio)Felipe Lacerda, Bruno Oliveira (Natan 50'/2T), Mauricio, Edmário e Juninho Monteiro; Feitosa, Rodrigo Yuri (Gutemberg 38'/2T) e Humberto (Yan Marcelo 28'/2T); Sampaio (Wander 50'/2T), Sillas Gomes e Elias (Bruno Santos 28'/2T).

A Gazeta integra o

Saiba mais
vasco

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.