ASSINE

Bolsonaro escolhe Sérgio Banhos ministro do TSE

Com isso, Bolsonaro frustra indicação da presidente da corte, a ministra Rosa Weber, que apostou em Grace Mendonça para o posto. Grace foi advogada-geral da União na gestão de Michel Temer

Publicado em 26/04/2019 às 09h32
A fachada do Tribunal Superior Eleitoral . Crédito: Roberto Jayme/TSE/Divulgação
A fachada do Tribunal Superior Eleitoral . Crédito: Roberto Jayme/TSE/Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro decidiu nomear Sérgio Silveira Banhos ministro do Tribunal Superior Eleitoral na vaga que será deixada por Admar Gonzaga.

Com isso, Bolsonaro frustra indicação da presidente da corte, a ministra Rosa Weber, que apostou em Grace Mendonça para o posto. Grace foi advogada-geral da União na gestão de Michel Temer.

Banhos, o escolhido de Bolsonaro, é juiz substituto da corte. Sua indicação tinha a simpatia do presidente do Supremo, ministro Dias Toffoli, e de Admar Gonzaga, que está de saída do TSE. Ele atuará na corte nas eleições municipais de 2020.

A Gazeta integra o

Saiba mais
jair bolsonaro

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.