ASSINE

Bandido apanha de populares após tentativa de assalto em Vila Velha

O crime aconteceu no bairro Santos Dumont; a vítima seria um taxista de 47 anos, que reagiu ao assalto

Publicado em 02/05/2019 às 22h33
Arma apreendida. Crédito: Divulgação
Arma apreendida. Crédito: Divulgação

Um taxista de 47 anos, reagiu a um assalto e conseguiu fugir do suspeito, na noite desta quinta-feira (02). O crime aconteceu no bairro Santos Dumont, em Vila Velha. O assaltante apanhou de populares no local.

De acordo com a vítima que preferiu não se identificar, um suspeito de 20 anos, solicitou uma corrida de táxi no Centro de Vila Velha. O taxista contou que o jovem estava bem vestido e pediu uma corrida até o bairro Santos Dumont com destino a uma casa espírita.

Em entrevista com a TV Gazeta, a vítima relatou que ao chegar na rua Milton de Barros já em Santos Dumont, o suspeito anunciou o assalto colocando a arma na cabeça dele e, quando percebeu que a arma era falsa, ele parou o veículo e desceu correndo.

“Você ter uma arma apontada para sua cabeça é desesperador, tudo que você quer fazer é sair daquela situação e foi isso que eu fiz. Parei o carro, abri a porta e gritei, ladrão, ladrão querendo me assaltar", contou.

Ainda segundo o taxista, depois que ele saiu do carro gritando que estava sendo assaltado, populares se juntaram no local e bateram no suspeito. “Se ele tivesse me rendido mesmo ele ia roubar todo dinheiro que faturei no dia. O dinheiro que seria para comprar o leite do meu filho", desabafou a vítima.

O caso foi levado para a 2ª Delegacia Regional de Vila Velha. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
assalto vila velha

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.