ASSINE

Itália registra menor número de novas mortes por Covid-19 desde 1° de março

Segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, a Itália é o nono país com mais infectados pela Covid-19 e o quarto em número de mortes, atrás apenas de Estados Unidos, Brasil e Reino Unido

Publicado em 27/06/2020 às 17h02
Atualizado em 27/06/2020 às 17h27
Pessoas usam máscara para se proteger do coronavírus em Milão, na Itália.
Pessoas usam máscara para se proteger do coronavírus em Milão, na Itália. Crédito: Mick De Paola/Unsplash 

A Itália registrou nas últimas 24 horas o menor número de mortes diárias por Covid-19 desde o dia 1º de março, uma semana antes de o país europeu entrar em quarentena. De acordo com dados do Ministério da Saúde italiano, a morte de oito enfermeiros elevou o total de óbitos causados pelo novo coronavírus para 34,7 mil. Da sexta-feira (26), para este sábado (27), foram registrados 175 novos casos, que somam 240,1 mil desde o início da pandemia.

Segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, a Itália é o nono país com mais infectados pela Covid-19 e o quarto em número de mortes, atrás apenas de Estados Unidos, Brasil e Reino Unido.

O Reino Unido registrou 890 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas e 100 novas mortes, de acordo com o Ministério da Saúde britânico. Desde o início da pandemia, o país já contabilizou 310,3 mil infectados e 43,5 mil óbitos.

Globalmente, a Universidade Johns Hopkins contabiliza 9,8 milhões de casos de Covid-19 e mais de 495 mil óbitos decorrentes da doença.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Coronavírus Covid-19 itália itália

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.