ASSINE

Alan Kardec deixa o Chongqing Dangdai e acerta com o Shenzhen, também da China

Depois de cinco anos no clube onde virou ídolo e maior artilheiro da história, brasileiro muda de equipe e reencontrará o treinador Jordi Cruyff: 'Estou muito feliz e motivado'...

Publicado em 12/04/2021 às 11h14
Atualizado em 12/04/2021 às 14h30
 Crédito: Divulgação / Shenzen
Crédito: Divulgação / Shenzen

Destaque no futebol chinês há cinco temporadas, o atacante Alan Kardec mudou de clube no país oriental. Aos 32 anos, o atleta revelado no Vasco deixou o Chongqing Dangdai e foi anunciado pelo Shenzhen FC. O vínculo será até o final de 2023.

+ Veja a tabela da Champions LeagueAlan Kardec chegou ao Chongqing em 2016, após deixar o São Paulo, e virou ídolo do clube. Em mais de 100 partidas pela equipe, o centroavante virou o artilheiro máximo do time, onde também era capitão. Em setembro, em entrevista exclusiva ao LANCE!, ele falou sobre estes números.

Em sua saída, o atacante agradeceu ao Chongqing Dangdai e também aos torcedores.

- Primeiramente, gostaria de agradecer por todos esses anos que estive no Chongqing, principalmente à torcida, que sempre me tratou com todo o carinho e respeito. Foi um período de muito aprendizado e evolução, e sou grato por tudo o que vivi no clube, deixando meu nome marcado na história como maior artilheiro do clube e, na última temporada, ajudando a equipe numa campanha muito acima das expectativas - disse.

+ Semana Europeia: Fred se destaca e Casemiro é expulso. Veja como foi o final de semana dos brasileiros Em seu novo clube, Alan Kardec reencontrará Jordi Cruyff, filho do ídolo holandês, que é o novo treinador do Shenzhen. Ambos trabalharam juntos no Chongqing.

- Agora, começo um novo projeto na minha carreira, um desafio de construir uma nova trajetória vitoriosa, e estou muito feliz e motivado por isso. Agradeço ao Shenzhen pela confiança no meu trabalho, ao treinador, Cruyff, com quem já trabalhei e sabe da minha vontade de sempre querer o melhor - concluiu.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.