ASSINE

Morte de menina de três anos é investigada em Itapemirim

Polícia Civil abriu inquérito para apurar morte de criança em casa. Família acredita em reação à medicação

Publicado em 12/11/2019 às 10h42
Atualizado em 12/11/2019 às 10h42
Delegacia de Itapemirim, onde caso é investigado. Crédito: Divulgação
Delegacia de Itapemirim, onde caso é investigado. Crédito: Divulgação

A morte de uma menina de três anos é investigada pela Polícia Civil de Itapemirim, no Litoral Sul do Estado. A menina morreu em casa na madrugada desta segunda-feira (11) após a mãe perceber que a criança não respirava. A família buscou a polícia pois acredita que a menina morreu após receber medicação em um pronto-socorro da região e ser liberada.

Segundo o delegado de plantão Vladson Bezerra, o pai da criança procurou a polícia para contar o caso. Ele relatou que a mãe da menina a levou a um pronto-socorro após a menina passar mal durante o domingo de manhã. “A menina teria tomado uma injeção, o que teria deixado a criança sonolenta. Às 5h da madrugada, em casa, a mãe fez contato com o pai, que mora em Marataízes, para pedir ajuda, pois a menina não estava respirando”, contou o delegado.

O pai, segundo o delegado, acredita que a menina tenha sofrido um choque anafilático por conta da medicação. O corpo foi encaminhado ao Serviço de Verificação de Óbito em Vitória para atestar a causa da morte. O médico atendeu a criança não foi ouvido ainda. O prontuário médico será pedido para ajudar na investigação.

A Gazeta integra o

Saiba mais
crianca itapemirim polícia civil

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.