ASSINE

Praia dos Adventistas: portão de entrada para rota do paraíso em Guarapari

Com 400 metros de extensão, a praia é usada como colônia de férias dos adventistas há decadas

Publicado em 10/01/2018 às 09h52

Se você quer conhecer muitas belezas em um único dia, a Praia dos Adventistas, literalmente é o portão de entrada para uma rota de paraísos em Guarapari. Com 400 metros de extensão, ela foi batizada com este nome por estar próximo à colônia de férias dos adventistas. A partir desta enseada, é possível ir até as praias que rodeiam o condomínio Aldeia da Praia (dos Ventos e das Conchas), as Três Praias e a do Morcego. Dessas, algumas são movimentadas, outras mais desertas. Mas todas têm belos visuais.

Logo ao chegar, já nos deparamos com o brilho do sol que deixava o mar reluzente. Como era cedo, ainda não tinham ambulantes nem banhistas. No decorrer do dia, os frequentadores apareceram. A faixa de areia é extensa e dá para bater uma bolinha com os amigos, jogar frescobol e tomar sol. Por lá, não tem quiosque, mas vende água de coco e picolé. Em dias de movimento maior, pode ser que a quantidade de vendedores aumente. De qualquer forma, é recomendável levar um lanche.

Entre os visitantes, claro que os nossos vizinhos mineiros não ficaram de fora. A estudante Ludmila Costa, de 16 anos, disse que era de Tocantis. Pensei: 'Veio de longe'. Mas bastaram apenas alguns minutos para a mãe dela, a artesã Liliane Almeida, 44 anos, explicar que Tocantis é a cidade, não o Estado. Aí já viu, mineiro no Espírito Santo, é de casa. "Venho desde bebê", contou Liliane.

"QUE LAGOÃO"

Em 1964, quando tudo em volta da Praia dos Adventistas era mata fechada, o mineiro Antônio de Souza Mattos viu, pela primeira vez, o mar, em Guarapari. "Eu senti uma emoção muito grande. E medo do mar. Antigamente, ninguém vinha à praia sozinho. Eu tinha 27 anos e vim com os meus amigos. Um disse: 'Que lagoão'", lembra sorrindo. Naquela época, o acesso era difícil, feito apenas por trilha.

Ele conta que um colportor alemão - missionário que vende livros da Igreja Adventista - comprou dois alqueires de terra na região e doou para a igreja. A partir desse terreno, segundo Seu Antônio, foi construído o Centro Adventista de Treinamento e Recreação do Espírito Santo (Catres), que fica à beira-mar. Hoje, o senhor que já subiu 54 vezes o Pico da Bandeira, gosta de caminhar na praia. "Prefiro não mergulhar porque a água é muito fria."

ROTA DAS PRAIAS

Voltando a falar das belezas da região, a Praia dos Adventistas é o ponto de partida para outros paraísos. À direita, uma passarela dá acesso à Praia dos Ventos, que fica ao redor do condomínio de alto padrão. Ela também é conhecida como Praia da Aldeia. O material foi publicado no último domingo (7)

Se você preferir seguir para a esquerda, vai seguir numa boa caminhada para encontrar as famosos Três Praias e a Praia do Morcego. Estas, serão reveladas nas próximas edições do especial "Verão de Ponta a Ponta". Aguarde e acompanhe com a gente!

Serviço: 

Praia dos Adventistas

Como chegar: siga pela Rodovia do Sol em direção ao sul, passando por Setiba. Ao chegar em Guarapari, após passar a Pedreira e a antiga entrada principal das Três Praias, siga em frente. Ao avistar o semáforo no cruzamento (há um posto de gasolina à direita), vire à esquerda (na esquina do Galetos Zani) na Avenida Paris e siga em frente, sentido Praia do Morro. Quando avistar o Posto Ale, entre na Rua Sevilha (uma rua antes do posto, não é a rua rente ao posto) e siga em frente, mantendo-se sempre à direita. Há uma estrada de chão. À frente haverá uma bifurcação. Vire à direita e siga em frente. Você subirá e descerá um morrinho e chegará na Praia dos Adventistas.

Estrutura: há alguns vendedores ambulantes, mas é indicado levar o próprio lanche. O estacionamento é pequeno. Quando a região está cheia, fica mais complicado.

Dicas: boa para a prática de esporte na areia.

A Gazeta integra o

Saiba mais
guarapari

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.