ASSINE

Cachoeiro lança edital para ocupação cultural de espaços públicos

As inscrições podem ser feitas até 3 de janeiro, no protocolo da Secretaria Municipal de Fazenda

Publicado em 26/11/2018 às 18h29
Museu Ferroviário de Cachoeiro de Itapemirim é um dos espaços que pode ser ocupado. Crédito: Divulgação
Museu Ferroviário de Cachoeiro de Itapemirim é um dos espaços que pode ser ocupado. Crédito: Divulgação

Atenção produtores de arte, seja na música, dança, teatro ou artes plásticas! A Prefeitura de Cachoeiro realiza o chamamento público para uma ocupação cultural dos espaços públicos do município, em 2019. O objetivo é selecionar até seis propostas, para execução ao longo de dez meses. O apoio financeiro para cada proposta é de até R$ 16,5 mil.

Os interessados poderão ser escolhidos para esse fim o Museu Ferroviário Domingos Lage (2º andar), preferencialmente para atividades de Artes Plásticas; o Centro Cultural Mestre Salatiel, preferencialmente para atividades na área do Folclore/Cultura Popular; Circo da Cultura da Praça de Fátima, preferencialmente para Dança e Teatro; a Casa de Cultura Roberto Carlos, preferencialmente para atividades de Música, e a Casa dos Braga, preferencialmente para Literatura.

As inscrições podem ser feitas até 3 de janeiro, no protocolo da Secretaria Municipal de Fazenda, na rua 25 de Março 28/38 – Centro, das 9h às 18h, sendo que cada organização só poderá fazer uma proposta. Os documentos necessários e demais detalhes sobre o processo seletivo estão no edital nº 022/2018, disponível no site da prefeitura de Cachoeiro. 

"om essa segunda edição do edital, a Semcult quer fomentar ações culturais que são muito importantes para Cachoeiro, garantindo apoio financeiro para as instituições realizarem o seu trabalho. Assim, a comunidade ganha a oportunidade de, por exemplo, participar de uma oficina cultural de forma gratuita, ministradas por pessoas com experiência na atividade.Os centros culturais, por sua vez, recebem mais movimento para realizar a sua função – ser um espaço de cultura vivo", avalia o subsecretário de Cultura e Turismo, Lucimar Costa.

A Gazeta integra o

Saiba mais
cachoeiro de itapemirim cultura

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.