ASSINE

Inscrições para programa de trainee da Vale terminam na sexta-feira (24)

Oferta é de 150 vagas, das quais 20 são destinadas ao Espírito Santo; profissionais devem ter formação concluída até março de 2022

Vista do complexo da Vale em Tubarão
Vista do complexo da Vale em Tubarão. Crédito: Vale/Divulgação

Os interessados em participar de um dos programas de trainee da Vale têm até esta sexta-feira (24) para se inscrever. São dois processos seletivos: o Global Trainee Program e o Programa Trainee Especialista de Engenharia e Geologia.

A oferta é de 150 vagas para todo o país, das quais 20 delas para o Espírito Santo. Há ainda postos no Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará e Rio de Janeiro. Para se candidatar, basta o candidato acessar o site do programa.

Os recém-formados terão a oportunidade de desenvolvimento e aprendizado, salário compatível com o de mercado e os seguintes benefícios: participação nos lucros e resultados (PLR); auxílio mudança; plano de previdência privada; assistência médica e odontológica; vale alimentação; auxílio farmácia; e seguro de vida em grupo.

A previsão é de que as contratações ocorram em maio de 2022. Os programas têm duração de 18 meses.

De acordo com a mineradora, o Programa Trainee Especialista em Engenharia e Geologia é voltado para profissionais formados em engenharia ou geologia, com graduação concluída entre março de 2019 e março de 2022. São cerca de 110 vagas e algumas delas podem exigir inglês intermediário.

Além da formação, os candidatos precisam ter o desejo de se aprofundar tecnicamente em mineração e logística. Eles terão o aprendizado por meio de um curso de formação específico para cada área (mina, ferrovia, porto ou pelotização) e aplicação prática na rotina de trabalho.

Já para o Global Trainee Program são 40 vagas e os candidatos podem ser formados em qualquer curso e ter finalizado a graduação entre outubro de 2019 e março de 2022. Outro requisito é ter conhecimento do idioma inglês avançado ou fluente e disponibilidade para mudanças e viagens. Neste caso, o programa de desenvolvimento será focado em negócios e gestão de projetos e contará também com job rotations, ou seja, oportunidade de atuar em diversas áreas.

Toda a seleção será on-line e oculta (também conhecido como seleção às cegas). Isto quer dizer que informações como idade e instituição de formação, são omitidas até a última etapa, buscando evitar a influência de vieses inconscientes no processo. A empresa busca atingir pelo menos 50% de mulheres e priorizar a contratação de profissionais negros.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.