ASSINE

Em dia mais calmo no exterior, dólar recua e Bolsa sobe

Moeda americana está sendo negociada abaixo do patamar de R$ 3,90

Publicado em 16/08/2018 às 10h55
Moeda americana está sendo negociada abaixo do patamar de R$ 3,90. Crédito: Reprodução/ Pixabay
Moeda americana está sendo negociada abaixo do patamar de R$ 3,90. Crédito: Reprodução/ Pixabay

Num dia mais calmo no cenário externo, a Bolsa brasileira iniciou os negócios em alta, enquanto o dólar recua. A moeda americana estava sendo negociada a R$ 3,87, queda de 0,58%, depois de fechar em alta de 0,87% ontem batendo no patamar de R$ 3,90. No pregão da B3, o Ibovespa principal índice do mercado local de ações, sobe 0,56% aos 77.524 pontos.

Os investidores ficaram mais calmos depois que a China anunciou uma nova rodada de negociações comerciais com os Estados Unidos, minimizando as preocupações com a guerra comercial travada entre os dois países. Uma delegação chinesa liderada pelo vice-ministro do comércio Wang Shouven vai se reunir com representantes dos EUA, liderados pelo subsecretário do Tesouro para Assuntos Internacionais, David Malpass, para discutir diversos pontos.

"A notícia trouxe alívio para os mercados e as principais bolsas da Europa e os futuros americanos se recuperam das fortes perdas de ontem e operam no terreno positivo", escreveu o especialista em câmbio da corretora Correparti Guilherme França Esquelbek.

A informação da reunião entre representantes da China e dos EUA faz o dólar recuar frente a divisas de países emergentes. O dollar spot, índice da Bloomberg, que acompanha o desempenho da divisa frente a uma cesta de moedas recua 0,12%.

A lira turca também se recupera frente ao dólar antes da teleconferência do ministro das Finanças, Berat Albayrak, com investidores e após o Catar prometer investir 15 bilhões de dólares no país.

A Gazeta integra o

Saiba mais
dinheiro

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.