ASSINE
Uma jornalista que ama os animais, assim é Rachel Martins. Não é a toa que ela adotou duas gatinhas, a Frida e a Chloé, que são as verdadeiras donas da casa. Escreve semanalmente sobre os benefícios que uma relação como essa é capaz de proporcionar

Que tal ter um quadro bem colorido do seu pet?

A gatinha Chloé  ganhou três quadros de presente de uma amiga que fez nas redes sociais, a @monalisa. Um do seu retrato, um do retrato de Frida e outro da foto de sua hóspede que já foi para Portugal, a Meg

Publicado em 11/09/2020 às 17h51
Atualizado em 11/09/2020 às 17h56
Quadro de Chloé
Quadro de Chloé. Crédito: Acervo Pessoa de Rachel Martins

Meu querido diário.... Como já disse em outras colunas, venho fazendo muitas amizades através das minhas redes sociais. E, recentemente, recebi um presente de uma gatinha artista, a @monalisa, que eu simplesmente amei.

Um dia recebi um direct no Instagram e quando abri dei de cara com três pinturas digitais feitas a partir de fotos que haviam sido postadas no meu perfil: uma minha, e duas outras: da Frida e da Meg (nossa hóspede que ficou um bom tempo por aqui, mas já foi embora. Estamos com saudades).

Quadro de Frida
Quadro de Frida . Crédito: Acervo Pessoa de Rachel Martins

Achei tão delicado da parte de @monalisa (sim, o nome é uma homenagem a famosa pintura de Leonardo da Vinci), que só me conhece virtualmente, enviar um presente para mim, que resolvi até escrever sobre ela. Em tempos de pandemia, gestos assim realmente nos fazem voltar a acreditar nos seres humanos.

Os “pais” dessa gatinha linda moram em Nova York. Elaine Chu é brasileira, de São Paulo, e está nos Estados Unidos há 22 anos. Ela é casada com Kai Shu, de origem oriental. E a única filha deles, neste momento, tem quatro patas e se chama @monalisa.

Quadro de Meg
Quadro de Meg. Crédito: Acervo Pessoa de Rachel Martins

“Antes de casar, meu marido me deu de presente no Dia dos Namorados, a Juliet, uma gatinha siamesa que viveu ao nosso lado por 17 anos, mas acabou falecendo. Era minha paixão. E, realmente, fiquei muito triste com sua partida. E o Kai vendo que eu estava começando a ficar deprimida, saiu em busca de outra, que foi escolhida por foto através das redes sociais. Eu nem sabia, foi uma grande surpresa, só conheci a minha nova ‘filha’ quando cheguei ao local. Foi uma emoção muito grande, até porque @monalisa é a cara de Juliet”, lembra Elaine.

Essa gatinha, que tem o nome de um dos quadros mais famosos do mundo, já está com três anos e é a grande companheira de Elaine e Kai. “Adoro colocar ela naquela mochila que tem um visor nas costas e sair passeando por Nova York”, conta Elaine. ‘Ela é arteira, esperta, inteligente e, claro, dispensa os brinquedos por qualquer caixa de papelão”.

Os pais da gatinha @monalisa
Os pais da gatinha @monalisa. Crédito: Acervo pessoal

Durante a pandemia e o isolamento social, Elaine resolveu aproveitar o tempo e investir nessas artes tecnológicas, que são feitas através de um aplicativo. “Mas, claro, sempre com ‘pinceladas’ de minha autoria. O objetivo é fazer uma ‘pintura’ bem próxima da personalidade do animal e isso exige um pouco de habilidade. Primeiro, fiz da @monalisa, daí os amigos gostaram e começaram a me pedir também. Agora, quando gosto de alguém que me acompanha nas redes sociais, envio de presente, sempre de surpresa”, conta.

Foi exatamente assim que recebi meus presentes, de surpresa. Aliás, eu gostei tanto do meu retrato (risos) que aproveitei para enviar essa arte para estampar a camiseta, o azulejo e a caneca que ganhei em um concurso da @petscustombr. Aliás, quero agradecer a todos os amigatos e amigatas e aumigos e aumigas que votaram em mim. Foram mais de 200 votos em três dias.

Daqui a pouco, minha encomenda está chegando. Estou bem ansiosa esses dias. E a Frida, confesso, está morrendo de ciúmes. Mas minhas “mães” disseram que o próximo concurso é ela que vai participar. Mas fico aqui pensando: só se for um concurso sênior, afinal ela acabou de fazer 16 anos (que ela não me ouça falando isso, risos). Lambeijos.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.