ASSINE
Jornalista de A Gazeta. Há 10 anos acompanha a cobertura de Economia. É colunista desde 2018 e traz neste espaço informações e análises sobre a cena econômica.

Gás encanado vai ficar 8,79% mais caro para consumidores do ES

Aumento vai impactar cerca de 51 mil clientes atendidos pela BR Distribuidora

Publicado em 16/08/2018 às 14h11
Estado produz cerca de 11 milhões de m3 de gás natural por dia, mas só um terço é consumido aqui. Crédito: Agência Petrobras | Divulgação
Estado produz cerca de 11 milhões de m3 de gás natural por dia, mas só um terço é consumido aqui. Crédito: Agência Petrobras | Divulgação

A Agência de Regulação de Serviços Públicos (ARSP) autorizou a BR Distribuidora a reajustar o preço do gás natural comercializado no Estado. O aumento será de 13,94% no preço de venda do gás (molécula + transporte), o que irá representar um efeito médio de alta de 8,79% para os cerca de 51,7 mil consumidores residenciais, comerciais e industriais do Espírito Santo.

A elevação do valor, que consta no Diário Oficial desta quinta-feira (16), já está valendo e será retroativa a 1º de agosto deste ano. Ela é decorrente do aumento do preço de venda do gás aplicado pela supridora, no caso a Petrobras, à concessionária BR.

Não é a primeira vez neste ano que os consumidores vão sentir a conta do gás encanado pesar no bolso. Em fevereiro, houve um reajuste de 6,3% na tarifa média do gás, fruto da alta no preço da molécula, que é fornecida pela Petrobras. 

O Espírito Santo conta com 462 quilômetros de rede de gás natural instalada em 13 municípios capixabas. O consumo médio mensal de gás no Estado em 2018 foi de 83 milhões de metros cúbicos (m³). Dos 51.792 consumidores, 51.075 são residenciais; 629 comerciais e 46 indústrias. Há ainda clientes nos segmentos de GNV (32), de climatização (5), cogeração (3), termelétrica (1) e matéria-prima (1).

A Gazeta integra o

Saiba mais
espírito santo espírito santo

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.