> >
Eleição em números: ES conta com mais de 10 mil urnas e 35 mil mesários

Eleição em números: ES conta com mais de 10 mil urnas e 35 mil mesários

Veja lista com principais números da eleição

Publicado em 5 de outubro de 2018 às 18:24

Ícone - Tempo de Leitura 0min de leitura
Funcionários de cartório eleitoral em Vila Velha conferem as urnas eletrônicas que serão usadas nas eleições. (Carlos Alberto Silva)

Mais de 2,7 milhões de eleitores do Espírito Santo vão decidir os rumos do Estado e do país neste domingo (7). Uma logística complexa para que tudo ocorra da melhor maneira possível. São 10.339 urnas em todo o Espírito Santo, sendo 1.277 de contingência, ou seja, que ficarão de reserva para o caso de substituição de urna com defeito. Para os trabalhos, foram convocados 35.572 mesários.

Grande parte das urnas já começam a ser transportadas para os locais de votação neste sábado (6), um dia antes das eleições, e o restante, nas primeiras horas de domingo.

HORA DO VOTO

No dia de votar, a seção eleitoral fica aberta das 8h às 17h (horário local). Quem estiver na fila quando chegar o horário final não deve se preocupar porque poderá votar. Em caso de ausência do domicílio eleitoral, será possível justificar o voto em qualquer cartório eleitoral até 60 dias depois da eleição; no entanto, ainda estará apto a votar caso haja 2º turno, no dia 28 de outubro.

Na hora de votar, o eleitor precisa levar um documento com foto, que pode ser CNH (Carteira Nacional de Habilitação), carteira de trabalho, passaporte, entre outros. Uma novidade para essas eleições é o aplicativo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), chamado de e-Título - que é a versão digital do título e substitui a versão em papel.

Para os eleitores que fizeram a biometria (45,36%), o e-Título vai mostrar a foto, dispensando a apresentação de documento de identificação. Os eleitores que não fizeram a biometria (54,64%) poderão votar usando o aplicativo, mas deverão apresentar um documento com foto.

Os mesários devem chegar às 7h nas zonas eleitorais, uma hora antes do início das votações. Para essas eleições, os mesários contam com um aplicativo, chamado “Mesários”, pelo qual eles recebem as instruções e mensagens importantes a respeito das eleições. Como trabalham no domingo, todos os convocados têm direito a dois dias de folga.

Para atender aos eleitores, 35.572 mesários foram convocados no Espírito Santo pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para ficarem nas zonas eleitorais.

SEGURANÇA

Para reforçar a segurança, mais de seis mil agentes da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros estarão envolvidos nas eleições. Além disso, serão 785 viaturas e um helicóptero - para facilitar o deslocamento para o interior, caso haja demanda.

Este vídeo pode te interessar

Será montada uma Central Integrada de Comando e Controle na Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) com o propósito de definir as ações no dia das eleições. Também será criado um gabinete de decisão na Sesp para coordenar a operação do dia. Participam dele os comandantes gerais da PM, do Corpo de Bombeiros e o chefe da Polícia Civil.

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rapido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta

A Gazeta integra o

The Trust Project
Saiba mais